Com a chegada da primavera e o aumento das temperaturas, você tira as roupas que escondem a maior parte da sua pele. Contrastando que não há nenhum traço de bronzeado o levará a tentar se lembrar de quando tomou banho de sol pela última vez (e isso foi há muito tempo). Com o confinamento, você provavelmente será encorajado a experimentar os autobronzeadores mas se ainda tiver dúvidas sobre esse tipo de produto, entraremos em contato com um dermatologista especialista que resolveu todas as nossas dúvidas . [19659003] Os autobronzeadores [19459109] são os melhores aliados para passar desse tom pálido pós-inverno até uma cor bronzeada com a qual receber a nova temporada. Agora que o confinamento dificulta ainda mais o banho de sol, esse tipo de produto surge como a única opção para obter algum reflexo dourado antes do verão. Nem sempre estamos claros quando é o melhor momento para aplicá-lo, qual a frequência de uso apropriada, se é compatível com o banho de sol ou se tem algum efeito colateral. Por esse motivo, consultamos Grupo Pedro Jaén para nos ajudar a esclarecer as perguntas mais frequentes sobre o uso de autobronzeadores e estas são as respostas da dermatologista María Marcos .

A maioria dos auto-bronzeadores seca muito rapidamente especialmente aqueles que vêm em formatos de spray e limpeza. O que permite vestir-se imediatamente. Mesmo assim, para evitar manchas nas roupas é mais aconselhável usá-las à noite reserve um tempo antes de ir para a cama e use pijamas de cores escuras.

É recomendável aplicar a cada 3 dias até o efeito desejado ser alcançado em nossa pele. A pré-esfoliação (melhor um dia antes) é essencial para eliminar a dureza e o tom é mais uniforme. Da mesma forma, devemos manter a pele hidratada para que o efeito seja mais uniforme e duradouro, pois se a pele estiver seca e descascada, o efeito desaparece.

Para a conveniência de aplicá-la, é recomendado spray ou loção para o corpo . Para o rosto o melhor formato em creme ou toalhete . Com o creme, não é conveniente aplicar maquiagem em aproximadamente 4 horas. Sim, podem ser aplicados blush ou pós.

Eles podem ser usados ​​no verão, mesmo se tomarmos banho de sol, mas é aconselhável evitá-lo nas primeiras 24 horas devido ao possível efeito irritante e maior sensibilidade da pele.

Não se esqueça que ele aumenta o tom da pele não significa que estamos protegidos porque não aumenta a quantidade de melanina. Portanto, o uso de filtro solar é essencial.

Mais do que contra-indicações, podemos destacar três efeitos que, como muitos outros produtos, podem ser irritantes :

  • A maioria dos tome DHA (dihidroxiacetona) que pode irritar a pele . É recomendável não exceder 10% da concentração para evitar isso, embora os sprays de cabine autobronzeadora possam chegar a 14%.
  • Efeito de cenoura ou tom de pele laranja, devido a mau uso ou abuso.
  • acneiforme quando contêm derivados de petróleo por efeito oclusivo. Além do impacto ambiental negativo.