O governo anunciou a administração de um novo frasco da vacina COVID-19 em todos os pacientes imunossuprimidos "sem exceção" durante a coletiva de imprensa após o Conselho Interterritorial de Saúde realizada em 1º de setembro.

Isso também coincide com o que foi anunciado pela Agência Europeia de Medicamentos (EMA) e pelo Centro Europeu para Prevenção e Controle de Doenças (ECDC) . Agora, esta proposta será transferida para a Comissão de Saúde Pública, onde todas as comunidades autônomas estão representadas.